Pedras Preciosas apreendidas na Operação Beryllos em Campo Formoso, são devolvidas e Pedristas comemoram.

Pedras Preciosas apreendidas na Operação Beryllos em Campo Formoso, são devolvidas e Pedristas comemoram.

A Operação Beryllos deflagrada pela Policia Federal em 05 de Dezembro de 2012, que tinha o objetivo de reprimir o comércio irregular de pedras preciosas e semipreciosas no município de Campo Formoso/BA e região, e isso causou um grande impacto, não só na cidade como em cidadãs da região, por conta da operação vários Lotes de Pedras Preciosas foram apreendidos em “Escritórios” onde são comercializadas.

Mas teve um desfecho feliz na última semana para os Pedristas (Como são chamados os comerciantes de Pedras Preciosas), o Ministério Público Federal através do Procurador Elton Luiz Freitas Moreira, se manifestou pelo arquivamento do procedimento, alegando que restou demonstrada que a atividade mineraria era desenvolvida de forma lícita, porquanto havia título autorizativo pelo DNPM em favor da Cooperativa Mineral da Bahia desde 2008.

Com isso o Juiz Federal Pedro Vinicius Moraes de Carneiro determinou o arquivamento de todo procedimento e devolução das Pedras Preciosas para seus proprietários. “Destarte, afim de evitar repetições desnecessários, acolho integralmente o requerimento do Ministério Público Federal, nos precisos termos de sua manifestação e determino o arquivamento do presente feito, sem prejuízo do disposto do artigo 18 do Código de Processo Penal… Fica desde já determinada a liberação de todos e quaisquer bens porventura apreendidos no curso das investigações que ainda se encontrem sob tutela estatal” (Trecho da Decisão do Juiz Pedro Carneiro).

Comente usando seu Facebook